quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Tokyo - com o marco


ufa. demorou mas aqui estou eu de volta, depois de três semanas sem postar... mas ok, prometo compensar a falta. aliás, vi que o número de posts foi caindo mês a mês.

mas então, vamos por a mão na massa.

como seria de se imaginar, tem bastaaante coisa a ser postada. vamos por partes.

para quem não sabe, o Marco veio passar duas semanas de férias aqui no Japão. como o vocabulário de japones dele é um pouco limitado (mas melhorou bastante. hehe) fui lá no aeroporto de Narita (Tokyo) buscar ele. Esse primeiro post vai ser sobre esse finde que fui buscar meu príncipe. hshshs.

como não teria condições de ir pela maneira "troca infinita de trens comuns até Tokyo por um dia inteiro*" pela falta de prática, compreensão dos ideogramas, de um celular com internet e tempo, peguei um onibus noturno de Yamaguchi até Tokyo.

*forma utilizada na vez anterior.

o onibus saiu de Yamaguchi as 19h de sexta e chegou em Tokyo as 9h da manhã, com 40 minutos de atraso. o voo do marco estava previsto para chegar em Tokyo as 9:45.



claro que não deu certo. hehe. se alguém for a Tokyo um dia, é bom calcular uma hora e meia para ir da estação de Tokyo até Narita.

ainda havia enviado um suposto cartão telefônico do japão pelo correio para o marco, que quando ele foi usar, descobriu que era um cartão de onibus. hshsh. é tanto cartão (de desconto) que a pessoa se perde. desculpa querido.

mas no final, deu tudo certo.

eu e o marco no aeroporto :)


primeira proibição: no aeroporto não é permitido fumar em qualquer lugar.


é.. quando falei que é difícil, para a maioria das pessoas que conheço, entender uma sociedade voltada para o coletivo é disso tb que estava falando.

...

uma sociedade voltada para o coletivo implica numa sociedade em que as vontades do indivíduos estão sendo constantemente podadas.

sempre tentei guiar minhas ações na pela crença de que a liberdade de uma pessoa termina no ponto em que começa a afetar a liberdade de outra. ou seja, podemos fazer o que quisermos, com a condição de não afetar os outros. acontece que esse tal ponto pode ter uma certa maleabilidade de cultura para cultura.

exemplos:
alta maleabilidade: o jeitinho brasileiro.
baixa maleabilidade: a rigidez japonesa.

muitas vezes se ouve dizer que os japoneses são frios. aqui é assim: o certo é o certo e o errado é o errado. e eles fazem questão de manter essa cultura. então, se você atravessa a sinaleira com o sinal vermelho para os pedestres, vem um japonês e te xinga. se você desce a escada pelo lado direito (em que as pessoas devem subir), vem um japonês e te xinga. se você fuma fora da área de fumantes, vem um japonês e te xinga.

por essas, o japonês tem a fama de frio. na verdade, se a gente para para pensar, são coisas que fazem sentido pensando no todo, que não são muito bem aplicadas nas sociedades individualistas.

...

mas se você for japonês, a coisa é pior.

eles têm um pouco de paciência com o estrangeiro, que não tem a obrigação de conhecer todas as regras daqui. mas um japonês DEVE conhecer e respeitar as regras então ele é bem mais cobrado. e nessas, levo a pior. hehe. uma estrangeira com cara de japonesa...

por isso desenhei essa camiseta, que veio da cove via marco's bag. (cove no japão. valeu elviis :)


diz: desculpe, sou estrangeira(o). a camiseta tem tirado uns discretos traços de risos das caras japonesas (hshshs) e fez sucesso entre os estrangeiros aqui. o marco trouxe 10.

para ser bem sincera, as vezes acabo me irritando. não adianta, por mais que eu admire e tente compreender a cultura japonesa, é difícil absorvê-la. qd vem uma velhinha e me xinga é difícil não levar a coisa para o lado pessoal. freud e os mecanismos de defesa do ego explicam: mais fácil se irritar com a velhinha do que mudar meus comportamentos.

mas posso ver, que, para a velhinha, ela está fazendo um favor para a sociedade. está educando um indivíduo que poderia prejudicar, mesmo que minimante, o grupo. e não é que a velhinha tá certa?

é.. não é mole.

...

mas sim, dando uma pausa nas divagações, e voltando para a feliz historinha do marco e da louise..

do aeroporto fomos almoçar. a primeira refeição japonesa do marco foi o lamen. no Brasil, o lamen ficou conhecido pela miojo, que fez a versão instantânea do prato. mas no Japão (e em São Paulo também) há restaurantes especializados, que fazem algo beem mais gostoso. esse restaurante era do tipo fast food. a gente escolhe, paga na maquininha, pede e come.



dali, fomos para o hotel. depois, um passeio por Akihabara. um bairro famoso por ter equipamentos eletrônicos baratos.




fomos ver os preços das tablets
óóhh.. que meigo ;)

não estavam mais baratos do que numa loja de uma grande rede que há aqui em Yamaguchi. Mas valeu pelo passeio.




essa é uma comida indiana, o kebab, a coisa mais parecida com um xis que se encontra em Tokyo. barato e gostoso. o recheio é de frango. o frango é cozido nessa pilha gigante de fatias e é cortado em pedaços na hora. vai dentro de um pão com salada e molho.







uff.. já tá tarde e eu tenho um post gigante. hoje vou ficar por aqui. mesmo que tenha dado para contar só o primeiro dia... é. essa viagem do marco vai render. hehe.

beijos.

10 comentários:

marianesenna disse...

eeeeeeee! notícias!!!
:D

Mas já imaginava que ia demorar para saber as novidades...hehehehhe
que bom que a "viagem" foi boa!

:D

Bjs

Louise Kanefuku disse...

oi mari! qt tempo, né? sim, a viagem foi boa :) aproveitamos bastante. e as tuas noticias? tudo certo por ai?

beijos!

marianesenna disse...

mtoo tempo! : (
Tudo certo por aqui! Muitas novidades, em breve estará recebendo uma carta com elas!

Beijos!

Louise Kanefuku disse...

eeeee!!

Marco disse...

ta mto divertido esse post de nós. eu adorei a viagem, mas putz, agora q eu cheguei parece q nem fui, foi muito rapido. vo espera os proximos posts. bjo querida

(eu deveria fazer um blog: as aventuras de marco sozinho no japão, no horario de trabalho da louise. hehe)

Louise Kanefuku disse...

siim, e deve ter bastante historia para contar ;D mas falando nisso, tu não deixou os papéis dos desafios aqui. deixou?

Gressiana disse...

eeeeeeeeeee!!!! é tão bom ver vcs dois juntos!!!!

:)

Lilie disse...

que lindos!
que romantico...

bom saber noticias de vocês dois...fazia tempo que esse blog estava vazio!

aline disse...

o kebab vai dominar o mundo. =)

o mais proximo do cavanhas ou do speed tu quer dizer??? hehehe.

ai, que saudade dessas comidas gordas.

Louise Kanefuku disse...

certo. to louca para me atracar num xis gordura. hehe